Bancos devem instalar divisórias nos caixas

Esse projeto tem por objetivo proporcionar maior segurança ao cidadão, tendo em vista que muitos dos assaltos que ocorrem na saída de agências bancárias, ocorre devido ao fato de que a quadrilha fica observando as transações feitas.

 

 

Súmula
Dispõe sobre a obrigatoriedade às agências bancárias, no Município de Curitiba, implementar box e ou dispositivos nos caixas, para impedir a visualização de transações por outrem.

Texto
Art. 1º Ficam obrigadas às agências bancárias, no âmbito do Município de Curitiba, implementar box e/ou dispositivos bloqueando a visão das transações nos caixas de atendimento, pelos demais clientes no interior da agência que não sejam os próprios funcionários.
Art. 2º Esta Lei entra em vigora na data de sua publicação.

Justificativa
Esta medida visa acabar, de uma vez por todas, com os assaltos praticados por meliantes infiltrados no interior das agências bancárias, onde ficam na espreita, observando todas as transações entre o caixa e os clientes e usuários, para passarem a informação para outros criminosos que estão do lado de fora, esperando para seguir suas vítimas e roubá-las, o que vem ocasionando inúmeros assassinatos em nossa Capital.
Outrossim, cabe salientar que o Supremo Tribunal Federal, indeferiu argumentação dos bancos que o Município não poderia Legislar sobre o Sistema Financeiro e, determinou á todos os bancos estabelecidos no Território Nacional o cumprimento de leis municipais que visem a segurança de seus munícipes.

 


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *